Desenvolvimento profissional: Não se pula etapas, mas podemos acelerar!

No Comments

Antes de iniciar qualquer coisa creio que uma apresentação seja primordial, mas vale lembrar pra quem não me conhece, sou direto. Então, meu nome é Joelson Lins de Mendonça e eu estou aqui para aprender, evoluir, ensinar e errar junto com você, pois uma das principais formas de aprendizado é a do “erro e acerto”, e mesmo você sendo a melhor pessoa do mundo no que faz, você não estará longe de errar alguma vez.

“Não se pula etapas, mas podemos acelerar sempre.”

Esses dias eu estava buscando no Instagram um perfil que tinha me chamado a atenção por uma mensagem relacionada a crise que dizia: “Eu e minha equipe decidimos não participar da crise”. Algo que achei de uma simplicidade tamanha e uma sacada fenomenal, copiei e enviei para alguns grupos de trabalho e amigos no WhatsApp, mas o que venho dizer aqui não se trata desta frase em si (ou até se trata) mas sim de outra, pois em muitas conversas com amigos, venho percebendo a diferença de como cada um trata o tempo e o desenvolvimento profissional. O incrível é que como tenho amigos de várias idades e tribos, ocorre uma grande diversificação de estado de desenvolvimento profissional e intelectual, cada um com algo a acrescentar.

A frase que vi foi a seguinte: “Ninguém constrói um legado trabalhando das 9hrs às 17hrs. ”

Aí você pode dizer: “O que tem demais nessa frase? ”, “Eu trabalho bem mais que isso”, “Meu horário de trabalho não é esse, mas faço a mesma quantidade de horas”, “Trabalho bem menos, mas meus estudos superam tudo isso”. Antes de continuar, se você já se satisfaz com o que está tendo em sua vida, ou se já se encontra numa posição que “você” ache confortável, não gaste seu tempo por aqui, aproveite o que já tem e se divirta.

Mas, vamos a nós que pretendemos deixar um legado para quem quer que seja, filhos, amigos, sobrinhos e por que não um grande legado a ser seguido por toda a humanidade (comece pequeno, mas pense grande). A grande sacada dessa frase é que o que lhe faz crescer não é o que você faz no trabalho em si, mas o que faz “fora” dele ou além dele. O que você executa no seu trabalho é o resultado de todo conhecimento que você agrega, em qualquer momento da sua vida.

Como assim?

O fato é que independente de quão perfeito seu trabalho seja, a sua evolução depende 90% do que você faz além do trabalho que lhe é designado. Você irá evoluir profissionalmente se você bate o ponto na hora correta? Se você consegue concluir todos os objetivos diários? Se você traz um crescimento substancial para empresa? Auxilia além dos seus próprios afazeres?

6-opções-de-compra-de-mídia-para-alavancar-os-resultados-de-curto-prazo-Alexandria

Mas analisando tudo isso que acabei de falar, você se deu conta de quanto tempo leva pra fazer tudo isso em um dia? Você está pulando etapas, está fazendo além do que lhe é solicitado, aprendi que o básico é básico demais para ser seguido, o surpreendente é que realmente se diferencia de todo resto. Legados são deixados por pessoas que se destacam na multidão além daquelas que já se destacam.

O mercado, o desenvolvimento profissional, e o que você deveria questionar

Analise na sua área as pessoas que deixaram legados, aquelas que mesmo depois de uns 10 anos da sua morte ainda existem pessoas buscando referências em seu trabalho. Essas pessoas trabalharam além das horas básicas, estudaram até a mente não aguentar, treinaram até o corpo fadigar e não conseguir fazer um movimento se quer. Posso lhe falar vários nomes como Bill Gates, Steve Jobs, Mark Zuckerberg, Ayrton Senna, Bruce Lee

Todos eles não trabalhavam ou estudavam nos seus projetos de vida apenas 8 horas por dia. Eles não só iam além do básico, mas além do que se podia imaginar. Um exemplo que posso lhes apresentar é a vida de um fisiculturista profissional. O seu momento de trabalho principal gira em torno de 2 horas diárias em uma academia para uns 10 minutos de apresentação em campeonatos, mas o que lhe faz campeão vai além disso, é um rotina diária de dieta, suplementação, aperfeiçoamento de exercício, estudo de novas maneira de definição muscular e treinos e mais treinos de qual será as melhores poses e a melhor apresentação para os jurados.

Então a dica é simples, vá além do imaginável. Não se pula etapas, acelere cada uma delas. Enquanto existe pessoas trabalhando 8 horas por dia, trabalhe 30 minutos a mais, assuma um projeto diário na empresa e use esses 30 minutos nele. Quando não estiver trabalhando imagine o que você pode fazer para acrescentar mais ainda em setores que está em crescimento lento, estimule sua criatividade (todo mundo adora quem é criativo), monte estratégias no seu dia, na sua carreira.

Mas não esqueça de sempre colocar metas, pois como você vai medir sua evolução? Se você trabalhar com vendas, estude novas estratégias para captação de clientes e coloque metas para isso. Se trabalha com campanhas, pense maneiras de atingir o público desejado e mensure a quantidade adquirida comparado ao método anterior. Se trabalha internamente busque, estude e use novos processos para otimizar o que você faz e terá mais tempo para fazer muito mais do que imaginam.

Se você quer ir onde poucos foram, você terá que fazer o que poucos fizeram.”

Guest-post produzido por Joelson Lins, Representante de Vendas na Lins e Lins Representações Comerciais, e especialista em Administração, Gestão Empresarial e Logística.

Representante de Vendas na Lins e Lins Representações Comerciais, e especialista em Administração, Gestão Empresarial e Logística.

Sobre nós e este blog

Somos uma empresa de marketing digital com foco em ajudar nossos clientes a alcançar grandes resultados.

Solicite um orçamento

Oferecemos serviços profissionais que ajudam a sua empresa se destacar usando os meios digitais.

Inscreva-se em nossa lista!

Os campos marcados com * são obrigatórios

Últimas publicações

Veja todas as publicações
No Comments
 

Deixe um comentário